segunda-feira , 18 dezembro 2017
Capa / Ribeirão Bonito / Polícia / Homem é morto com uma facada no peito em Ribeirão Bonito
Homem é morto com uma facada no peito em Ribeirão Bonito

Homem é morto com uma facada no peito em Ribeirão Bonito

Acusado de ter desferido o único golpe em Djalma Honório, 31 anos, foi preso em flagrante

Lucas Castro

Um homem foi morto com um único golpe de faca no peito no final da noite deste sábado (5) em um bar localizado na rua Fidelmo Chiavoloni, no Conjunto Habitacional “Prefeito Victor Arnaldo Torrezan”, na região conhecida como Malvinas, em Ribeirão Bonito. O autor do homicídio foi preso em flagrante.
Segundo informações, Djalma Honório estava em um bar quando se desentendeu com Reinaldo de Jesus Santana, de 38 anos, vulgo Boy, por motivos que não foram informados e serão apurados pela Polícia.
Os dois entraram em luta corporal quando Honório desferiu um golpe de faca na cabeça de Boy, que acabou revidando, dando uma facada no peito de Honório, que não resistiu aos ferimentos e morreu.
Boy então fugiu com a faca enfiada na cabeça para uma mata nas proximidades, neste tempo a Polícia Militar foi acionada e, sabendo do ocorrido, fechou o cerco e o Cabo Bortolozzo e Soldado De Oliveira prenderam o autor do homicídio.
Boy passou por atendimento na Santa Casa de Ribeirão Bonito, onde tomou mais de 20 pontos na cabeça e, assim que foi liberado, acabou encaminhado para o Plantão Policial de São Carlos, sendo autuado pelo crime de homicídio e recolhido ao Centro de Triagem.
No momento do desentendimento entre Honório e Boy, mais de 100 pessoas estavam no estabelecimento comercial, conhecido como Bar do Zé Luiz.
Este não é o primeiro homicídio de Boy, ele já havia matado uma pessoa em Dourado, também com uma facada.

Semelhante

O último homicídio ocorrido em Ribeirão Bonito havia acontecido no dia 25 de dezembro de 2015, quando um jovem, Antônio Eduardo da Cruz de Almeida, de 19 anos, foi morto também com uma facada no peito na rua Aníbal Lazaretti, no Conjunto Habitacional Victor Arnaldo Torrezan, na região da Malvinas.
Os dois homicídios, tanto de Almeida quando de Honório aconteceram próximos um do outro e ambos foram cometidos por arma branca.

Um comentário

  1. valter donizete martins

    o responsável da prefeitura por alvarás , deveria repensar quanto aos horários e como funcionam tais estabelecimentos no município. existe a lei de crime de contravenção por perturbação de sossego e colocando também vidas de outros munícipes em risco. Que o CONSEG ,atue junto a tal órgão fiscalizador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>